20:51 | Author: Mundo Zazen


(Excerto de Teisho de Ryotan Tokuda Igarashi proferido durante o Sesshin de outubro de 2000 no Mosteiro de Eitai-Ji, França)

Este é o primeiro sesshin deste angô . Nós nos levantaremos às três horas da manhã e nos deitaremos às nove horas da noite. Será um sesshin de “estilo original”. Depois de dez anos passados na França, me é possível realizar este ango e eu estou muito feliz. Nem todos podem participar, pois a maioria dos membros da nossa sangha trabalha, mas dois, três, seis ou sete pessoas são suficientes.

Minha primeira recomendação para este sesshin é a seguinte: achem a força ( zenjo ) que permite aceder à meditação zen. Essa força não é ainda a realização do satori , é a base. Então, eu peço a vocês para irem até o fundo de seus limites na meditação. É necessário cortar esta consciência, todas as noções ligadas à consciência, à sua função, à sua memória. No zazen , tudo isso deve ser cortado, senão o zazen é só formalismo e o espírito fica agitado como uma tempestade. Com uma prática meramente formal, dez, vinte anos de zazen não terão efeito algum.

Não é suficiente apenas sentar como eu acabei de dizer, mas é necessário também controlar a respiração. A respiração deve ser muito comprida, muito longa. Nesse momento, você ainda pode pensar ou não? Respirando dessa forma, pode-se ter apenas um pensamento de cada vez. Assim, como se está concentrado na respiração, todos os outros pensamentos, bons e maus, tornam-se estúpidos durante o zazen

Pratiquem a respiração, concentrem-se na respiração, não deixem qualquer espaço que permita o acesso a qualquer idéia que seja, e vocês constatarão em que ponto seu zazen está. Quando vocês pensam continuamente, vocês não estão na prática, vocês se abandonam àqueles pensamentos estúpidos que não são o pensamento do zen. Tentem esta prática da respiração e quando vocês entrarem um pouco mais profundamente, vocês começarão a sentir um pouco o gosto do zazen , e este será um momento propício.

Quanto a este silêncio, esta concentração profunda que começa a se manifestar com seus corpos, não é necessário falar muito a respeito, mas depois de vinte anos, trinta anos de prática, alguém pode reconhecer uma mudança em vocês.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.
Bookmark and Share

0 comentários:

:)) ;)) ;;) :D ;) :p :(( :) :( :X =(( :-o :-/ :-* :| 8-} :)] ~x( :-t b-( :-L x( =))

Postar um comentário

Página Anterior Próxima Página Home
subir